24 maio 2018

- Anda com uma luz bonita, esta cidade.*



O meu coração acelera ligeiramente ao ouvir os primeiros acordes desta música. Sinto-te tanto neste ritmo ! Neste e noutros tantos que me deixam o sangue a fervilhar. Sou consumidora assumida da tua arte, das harmonias que vais criando nos bastidores de uma imaginação borbulhante, capaz de deixar mundo-e-meio boqueaberto com a sensibilidade que transpões. O teu talento é directamente proporcional à dedicação e responsabilidade com que abraças cada desafio. Pressinto-nos tão idênticos e receio tanto, ao mesmo tempo, que seja exactamente esse o nosso ponto fraco. Confesso que sempre achei a minha sensibilidade uma virtude significativa. Até te conhecer.

Nenhum comentário:

Postar um comentário